Praia de Maracajaú – Natal

Os parrachos de Maracajaú… Bem, os parrachos são os parrachos. Se você não sabe o que são este é um motivo primordial para conhecer as praias de Maracajaú e, se você sabe, aí mesmo é que não vai querer outra vida depois de se deliciar nas águas dessas fantásticas piscinas naturais formadas por uma barreira de recifes a apenas 7 Km da costa. Não bastassem as águas serem morninhas ainda são cristalinas e você mergulha rodeado de peixinhos coloridos, no melhor estilo desenho da Disney. Mas as praias de Maracajaú ainda têm muito mais a oferecer. Então venha conosco, porque sua viagem está apenas começando.

Quem quiser conhecer a Praia de Maracajaú em Natal basta prestar atenção nos números para ter uma boa ideia da cidade. O local, que na verdade é uma pequena vila de pescadores, tem cerca de 2 mil habitantes, 13 km² de uma barreira de corais que ficam a apenas 7Km da costa e formam uma infinidade de piscinas naturais. Lá, pelo menos, o homem preserva o que a natureza criou com tanto carinho: desde 2001 o local é Área de Proteção Ambiental dos Recifes de Corais (Aparc) e as visitas são cuidadosamente controlados pelo Ibama e pelo Idema, órgão ambiental potiguar. A apenas 60 Km da capital, basta dizer que o local é conhecido como o “Caribe Brasileiro”. Dunas e lagoas completam o cenário maravilhoso.

As cotas de visitação diária são protegidas por lei e fiscalizadas pelo Programa Protegendo Maracajaú (Promar), da ONG Oceânica, através do qual desde 2005 agentes locais são treinados em cursos de biologia, práticas sustentáveis, geologia, biologia marinha, educação ambiental e geologia para monitorar o local e fazer o acompanhamento das atividades turísticas, garantindo o cumprimento das normas da Aparc.

 

Praia de Maracajaú – Natal

Praia de Maracajaú – Natal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *